Buscar
  • Instituto Phases

Conhece a dieta Flexitariana?

Essa semana a nutricionista do Phases Marcilene Sena irá comentar sobre o que se trata a dieta flexitariana e se ela é uma boa opção para as pessoas uma alimentação mais saudável.

Flexitarian, termo composto pela junção em inglês de “flexível” e “vegetariano”,

não pode ser encontrado nos dicionários de português, mas o comportamento

que a palavra exprime é cada vez mais comum: é crescente o número de pessoas

que estão diminuindo o consumo de carne, sem abrir mão totalmente da proteína

animal. Na definição do dicionário de inglês Oxford, que incluiu o verbete em

2014, flexitarian é aquele que segue dieta vegetariana na maior parte do tempo,

mas que, ocasionalmente, come algum tipo de carne.


Entre os principais motivos para a adesão à dieta flexitariana estão: atenção a

saúde como um todo, preservação do meio ambiente e o bem estar dos animais.

Muitos adeptos iniciam reduzindo as porções e gradativamente vão realizando

menos refeições por semana com proteínas animais.


Emma Derbyshire, professora da Faculdade de Nutrição da Universidade de

Manchester, em um artigo  publicado na revista científica Frontiers in Nutrition,

afirma que, para se enquadrar no perfil, o consumo de carne, peixe e aves deve

se restringir a três vezes por semana, no máximo.


Vários estudos demonstram que uma dieta mais natural traz vantagens para o

organismo. Alimentos de origem animal, principalmente em excesso, são

considerados gatilhos para diversas doenças crônicas, alguns tipos de câncer,

inflamações, doenças cardiovasculares, entre outras. Por outro lado, os

ingredientes de origem vegetal costumam ser pobres em gorduras prejudiciais,

são ricos em vitaminas, minerais, fibras, antioxidantes e compostos bioativos.


No entanto, muitas pessoas ficam em dúvida, sem saber como fazer as

substituições de forma adequada, assim como identificar possíveis carências. A

mais comum é a falta de vitamina B12, indispensável para o bom funcionamento

do cérebro e presente apenas em alimentos de origem animal. Por isso, a

orientação e o acompanhamento do profissional nutricionista é muito importante

para que não ocorra prejuízos à saúde durante e após o período de transição

alimentar.


Compartilhe esse post para todos que não conhecem a dieta flexitariana

#nutrição #saude #dieta #alimentação #vegetariano #proteina #emagrecer #bemestar #mododevida #vidasaudavel #saudemental

40 visualizações
  • Sem Título-1
  • Ícone do Facebook Branco
  • Ícone do Instagram Branco
MENSSAGER.png
11 2977- 4104 /11 95050-8695
contato@institutophases.com

 

Segunda à Sexta - 8:00 às 21:00
 Sábado - 8:00 às 17:00


 

R. Voluntários da Pátria, 2736 - Santana - São Paulo- SP